TECNOLOGIA EM

Gestão de Recursos Humanos

CAÇAPAVA

LOCAL

EaD

MODALIDADE

NOITE

TURNO

4 SEMESTRES

DURAÇÃO

— O CURSO

O projeto pedagógico do Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos, na modalidade a distância, no contexto mais amplo da prática social, contempla a concepção de homem, de mundo e de sociedade; o compromisso social, a valorização profissional e defesa das políticas de inclusão social. No contexto da prática pedagógica o projeto supera o pressuposto do autoritarismo; enfatiza o trabalho coletivo interdisciplinar; aplica metodologias ativas, tecnologias e ambientes virtuais de aprendizagem; valoriza o currículo como construção do conhecimento; possibilita a reflexão sobre a prática e vivência a avaliação qualitativa e processual.

Com a aproximação do processo de ensino aos princípios da equidade, o compromisso social será projetado não só por ações pontuais, mas a cada ciclo de aprendizagem. Haverá o compromisso em contextualizar o conhecimento acerca do objeto de estudo, ao qual se debruça temporariamente, para que o aluno compreenda a sua importância no desenvolvimento de um olhar cada vez mais holístico sobre o homem e sobre a realidade como um todo.

Desde muito cedo, o graduando se deparará com a realidade social e a ele serão apresentadas ferramentas de construção de uma sociedade mais justa, onde se necessita não só exercer a aplicabilidade dos conhecimentos, mas outros aspectos como a escuta, ação compartilhada com a população e a coparticipação em ações de transformação das realidades.

O Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos da Faculdade Santo Antônio tem como objetivo formar profissionais com habilidades, competências, atitudes e comportamentos que proporcionem a capacidade para promover mudanças e inovações inerentes à gestão de pessoas, oferecendo conteúdos teórico-práticos necessários para atuação como coordenador e gestor de talentos humanos de uma organização.

 

A FSA por sua vocação institucional voltada para a educação tecnológica preceitua a Resolução CNE/CP nº 3/2002, no que diz respeito ao incentivo da capacidade empreendedora e da inovação científica e tecnológica aplicadas ao mundo do trabalho apresenta os seguintes objetivos específicos:

  • Desenvolver habilidades, competências, atitudes e comportamentos, previstos nas Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais para a organização e o funcionamento de cursos superiores de tecnologia, em especial de Gestão de Recursos Humanos;
  • Promover a articulação da teoria com a prática, ao valorizar a investigação individual e coletiva, os estágios e a participação em atividades de extensão;
  • Proporcionar formação ética e humanística integrada aos saberes e práticas acadêmicas nas áreas do curso;
  • Promover a formação técnica e científica profissional na área de Gestão de Recursos Humanos;
  • Promover a formação interdisciplinar e transversal para uma atuação interprofissional;
  • Capacitar para o planejamento, administração e execução dos serviços de gerenciamento de Recursos Humanos;
  • Estimular práticas de estudo independente, visando progressiva autonomia profissional e intelectual do aluno;
  • Promover o hábito (aprender a aprender) de formação continuada;
  • Capacitar para assumir atitudes críticas permanentes em relação à dinâmica social;
  • Incentivar o desenvolvimento da capacidade empreendedora e da compreensão do processo tecnológico, em suas causas e efeitos;
  • Incentivar a produção e a inovação científico-tecnológica, e suas respectivas aplicações no mundo do trabalho;
  • Desenvolver competências profissionais tecnológicas, gerais e específicas, para a gestão de processos e a produção de bens e serviços;
  • Propiciar a compreensão e a avaliação dos impactos sociais, econômicos e ambientais resultantes da produção, gestão e incorporação de novas tecnologias;
  • Promover a capacidade de continuar aprendendo e de acompanhar as mudanças nas condições de trabalho, bem como propiciar o prosseguimento de estudos em cursos de pós-graduação;
  • Adotar a flexibilidade, a interdisciplinaridade, a contextualização e a atualização permanente dos cursos e seus currículos;
  • Garantir a identidade do perfil profissional de conclusão de curso e da respectiva organização curricular.

— PERFIL DO EGRESSO

Ao final do curso o profissional formado deve:

  • Possuir habilidades e competências gerenciais para atuar de forma humanística na condução dos processos de gestão de pessoas;
  • Dominar conhecimentos dos principais métodos em gestão com pessoas, desenvolvendo modernas técnicas de planejamento, programação, controle e avaliação com qualidade total;
  • Imbuir-se de embasamento teórico e prático, referente aos conhecimentos, habilidades e atitudes necessários ao melhor desempenho das atividades típicas da gestão de pessoas;
  • Ser capaz de identificar e analisar problemas pertinentes à rotina das atividades administrativas;
  • Pensar e agir estrategicamente diante dos desafios da gestão de pessoas;
  • Demonstrar competências em relação a técnicas gerenciais contemporâneas que permitam identificar e apresentar soluções dos problemas fundamentais que afligem os aspectos gerenciais da área de recursos humanos;
  • Mostrar-se apto a propor novas metodologias para a definição de estratégias gerenciais no setor de Recursos Humanos.

Além disso, o Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos da FSA deve proporcionar aos futuros formandos o desenvolvimento das competências e habilidades para:

  • gerenciar o clima organizacional;
  • gerenciar e operacionalizar processos de recrutamento e seleção;
  • gerenciar e operacionalizar processos de treinamento e desenvolvimento de pessoas;
  • gerenciar e operacionalizar processos de avaliação de desempenho de pessoas;
  • promover ações para a gestão de carreiras;
  • gerenciar e operacionalizar processos de remuneração;
  • gerenciar e operacionalizar rotinas de pessoal;
  • identificar e propor políticas de saúde, segurança e qualidade de vida no trabalho;
  • utilizar técnicas de liderança, compreendendo as relações de poder;
  • negociar e mediar conflitos.

— CORPO DOCENTE

— COORDENADOR

Diego Dorabiallo Oliveira, possui graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Paraná (2010). Mestrado em Administração pela Fundação Universidade Federal de Rondônia. Experiência com gestão de patrimônio e recomendação de investimentos. Docente do Centro Universitário São Lucas – Porto Velhor. Servidor público Federal na Fundação Universidade Federal de Rondônia, cargo de Economista.

Vamos Conversar?